Governo baiano já investiu R$ 70 milhões no parque tecnológico de Salvador

13/04/2011

O governo baiano já investiu cerca de R$ 70 milhões na implantação do Parque Tecnológico de Salvador, construindo a tecnovia e um edifício de 20 mil metros quadrados, que servirá de incubadora de empresas e abrigará a gestão do parque. A informação foi dada ontem (dia 12) por James Correa, secretário estadual de Indústria, Comércio e Mineração, durante sessão especial da Câmara Municipal de Salvador.

O secretário informou também que seis empresas já manifestaram interesse em se instalarem no parque e estão esperando apenas a redução do Imposto sobre Serviços (ISS) de 5% para 2%, projeto que aguarda votação dos vereadores. As empresas são a Microsoft, IBM, RM Sistemas, Instituto Atlântico, Instituto Recôncavo e a Petrobras. James Correa disse que a Portugal Telecom também estava interessada no parque tecnológico de Salvador, porém a demora na decisão dos vereadores levou a empresa a mudar de planos e deverá instalar-se em Recife.

Esta foi a segunda vez que o secretário esteve na Câmara para debater o assunto com os vereadores. A primeira vez foi no dia 23 de fevereiro. O projeto de redução do ISS está trancando a pauta da Casa Legislativa, pois alguns vereadores resolveram obstruir a votação, sob o argumento de que a crise financeira de Salvador não justificaria a redução de impostos para a implantação das empresas.

James Correa contestou este argumento, explicando que todos os parques tecnológicos do Brasil cobram 2% de ISS das empresas. “Se as empresas não forem atraídas para Salvador irão instalar-se em outros locais. Portanto, ao invés da cidade arrecadar 2% de ISS dessas empresas, não vai arrecadar nada, logo o prejuízo será muito maior”, disse.

O parque tecnológico de Salvador está sendo instalado na avenida Paralela. A área total reservada para o empreendimento é de 1,1 milhões de metros quadrados. Estará equipado com infraestrutura de comunicação de dados de alta velocidade, integrado à Rede Nacional de Pesquisa e contará com equipamentos de ensino técnico-científico, exposições relacionadas à área de Ciência e Tecnologia e induzirá a construção da avenida 29 de Março, que interligará a Paralela à BR 324.

Os parques tecnológicos são considerados os principais ambientes de inovação técnico-científico do mundo. As empresas que nele se instalam costumam associar-se com universidades para o desenvolvimento de pesquisas de novas tecnologias, processos e sistemas. No caso de Salvador, as áreas prioritárias são o desenvolvimento de tecnologias de informação e comunicação, energia e biotecnologia.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: