Vitória da cidade depende de mobilização social

20/01/2012

Por Gilmar Santiago (PT), vereador de Salvador, publicado hoje no jornal A Tarde

A aprovação pela Câmara Municipal de Salvador da nova Lei de Ordenamento e Uso do Solo (Lous) e a sanção do prefeito João Henrique, desconsiderando flagrante ilegalidade na votação da Lei representam dramático retrocesso para a cidade. As dez emendas apresentadas na hora da votação da Lous, muitas delas alterando o Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano (PDDU) representam, infelizmente, o poder político submetido aos interesses econômicos.

A história da privatização do patrimônio público, sobretudo das terras públicas, em Salvador parece resumir a trajetória da cidade nas últimos quase cinco décadas. Desde a Reforma Urbana de 1968, quando as terras do que viria a ser a avenida Paralela foram transferidas para mãos privadas, o planejamento da cidade passou, então, a ser feito pelo próprio capital imobiliário.

Agora, a extinção do parque do Vale Encantado, o sombreamento das praias, a liberação generalizada de construir – faz a cidade bambear, porém Salvador resiste ainda, como se viu sábado passado na manifestação Desocupa Salvador! contra a privatização do espaço públiclo, a praça de Ondina, que foi ocupada por um camarote do carnaval. Com os pés no chão e a mão na consciência, como disse uma manifestante, vamos lutar em favor da cidade.

Defendemos o mais amplo processo de mobilização social, intensificando ações como a do Desocupa Salvador! no sentido de demonstrar que a sociedade deseja a gestão pública em conformidade com a lei, com a moralidade, com a impessoalidade, que são princípios legais. Só teremos êxito se houver manifestações populares massivas.

O gesto belo e corajoso de Caetano Veloso ao escrever artigo em defesa da cidade, do símbólico Porto da Barra, da praia e da história pulsante de Salvador pode inaugurar a tomada de posição pública, individual e coletiva, de muitos outros artistas manifestando-se em favor de um projeto de desenvolvimento humano para Salvador, em bases realmente diferentes destas que presidem a gestão atual da cidade.

Anúncios

Uma resposta to “Vitória da cidade depende de mobilização social”

  1. mauro marconi Says:

    Este vereador nada fez para evitar a votação!!!
    De lero lero ja estamos cheios


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: