Poder da grana censura Movimento Desocupa no site Bahia Notícias

11/02/2012

Por Josias Pires

Diversas mensagens nas redes sociais estão denunciando a censura que caiu sobre o site “Bahia Notícias”, que tirou do ar reportagens sobre a ação civil pública ajuizada pela Defensoria Pública da União (DPU-Bahia) pedindo à Justiça o embargo do Camarote Salvador. O site deixou de publicar também a resposta do Movimento Desocupa às acusações do Camarote Salvador de que o movimento – formado por artistas, profisionais liberais, estudantes e outras categoria sociais – teria interesse em depredar as instalações do empreendimento, que ocupou irregularmente, segundo a DPU, a praça de Ondina.

O único texto que ficou postado desde ontem no site, e com destaque, é o release do Camarote Salvador contra o movimento. “Sabemos quais são os maiores interessados em relação à este apagão, mas a pergunta que fica é: o que foi que deram ao site, em troco da retirada da reportagem?”, pergunta um dos internautas indignados com a posição do Bahia Notícias, que está subordinando o jornalismo, cuja obrigação é dar a notícia ouvindo todas as partes, ao interesse comercial da empresa, que é financiada com anúncios da prefeitura e das empresas de Carnaval, entre outras.

Episódios de censura no Bahia Notícias já haviam sido observados por diversos jornalistas que acompanham as denúncias relacionadas à aprovação da nova Lei de Ordenamento e Uso do Solo (Lous). De uma hora para outra o site parou de publicar textos que criticavam as mudanças na lei que levaram à extinção do parque do Vale Encantado, à liberação do gabarito para construção de hotéis na Orla e medidas destinadas a beneficair empresários do ramo imobiliário.

A censura ao Bahia Notícias é um desserviço à cidadania, que se vê privada da publicação de notícias sobre temas de vital interesse para a cidade e mais um exemplo do abuso que o poder econômico comete contra a democracia.

Anúncios

4 Respostas to “Poder da grana censura Movimento Desocupa no site Bahia Notícias”


  1. Os poderes facticos.
    Podres poderes.

  2. Luana Says:

    Uma dica é saber quem são os donos do camarote…

  3. Maria Beatriz Bia Says:

    o dinheiro compra muita coisa. e a má imprensa se deixa vender. isso é lamentável…

  4. Getulio Says:

    Esse camarote e a estrutura em torno da obra são um afronta a cidadania, um desrespeito ao bom senso. Não é difícil perceber que não existem critérios, ordenamento e a presença da autoridade municipal. Já basta a cidade abandonada e uma empresa que explora a desgraça alheia de uma festa que só dá despesa ao estado, concentra renda na máfia dos camarotes e blocos, e o povo fica espremido no pouco que restou de espaço e como diz o estudo da UFBA o impacto sócio econômico para ambulantes, comércio e demais atividades é pouco se comparado ao turismo de família e segmentos sociais que geram renda de valor agregado maior…


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: