Exibição do filme Cuíca de Santo Amaro em Luanda

12/10/2012

Por

Por Lula Oliveira

A sessão de Cuica de Santo Amaro no projeto Cinema no Telhado, do Instituto Goethe, foi também bastante prestigiada. Tivemos cerca de 60 pessoas na platéia. Inclusive, estudantes da Alemanha que estão fazendo intercâmbio cultural em Luanda. Existe uma grande dificuldade em compreender o personagem Cuica…muito distante da realidade daqui de Luanda. Não sei também até que ponto a tradução em inglês legitima a nossa lingua portuguesa com as suas gîrias e modo todo particular de se expressar. Entretanto, há um encantamento pelas imagens de arquivo da cidade de Salvador, Recôncavo… e são essas imagens que seguram o público no filme no início. São essas imagens que dialogam e permitem que o público, aos poucos, vá conhecendo o personagem central.

O angolano se enxerga no filme, nas suas imagens antigas mas facilmentedo que degusta o personagem do filme. Mas, ao final, embevecido pelas imagens, todos saíram conhecendo melhor o personagem.

Depois no debate, falando do processo do filme e do desafio dos realizadores e da produção em fazer um documentário onde existem pouquíssimas imagens do nosso personagem, perguntaram como conseguimos encontrar a voz de Cuica se não existem imagens. Eis a magia do cinema e a revelação que aquela voz é interpretada por um ator, surpreendeu a todos na sessão.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s