Celebração dos Corpos

22/05/2013

diario
Texto: Clodoaldo Lôbo
Foto:Ernesto Vasconcelos/Clix

“O importante não é o que os outros fazem de nós mas o que fazemos dos que os outros fazem de nós”. A frase de Sartre ilumina a sensorialidade do espetáculo apresentado pelo Grupo Ateliê Voador, “O Diário de Genet”, dirigido com exatidão por Djalma Thürler e protagonizado pelos atores Duda Woyda e Rafael Medrado colocados em uma dialética de Senhor-escravo, condição que se subverte.

Em cena, os dois atores apresentam uma metalinguagem no inicio (o teatro falando de si mesmo) corpos em pleno vigor exaltando o sensorial e a liberdade de movimentação e de existir.

O que o espetáculo afirma é o confronto do escritor Genet contra a sociedade iníqua que o colocou numa posição de estigmatizado. Parido em frente a uma prisão, Genet estaria marcado pelo que os existencialistas denominaram de má fé. Ele rebelou-se contra os cânones que o aprisionariam nos rótulos de homossexual e ladrão. E finca sua voz devolvendo a sujeira que o iria limitar na própria sociedade que queria transformá-lo em objeto.

Afinal, como disse a poetisa e artista plástica Ediane do Monte “somos dissidentes do real”. Principalmente se esse real for desumano, reificado e massacrante, apesar de toda tecnologia de agora.

Assim Genet fez uma afirmação de vida tornando-se sujeito de si mesmo com a movimentação pulsante e inquieta que o diretor da peça sugere através dos atores, do límpido olhar de Rafael Medrado ao vigor imanente de Duda Woyda.

Inspirado no Diário de um Ladrão, em que o autor aclamado por Simone de Beauvoir como “São Genet, comediante e mártir”, o espetáculo faz a gente singrar pela música que integra a trilha sonora da peça, originalmente interpretada por Jussara Silveira: “Há na alma da gente um lugar, um porto bom, é preciso seguir o farol”.

Saímos do teatro mais sólidos em nossa identidade de corpo, carne e sangue nas veias. Revivificados para a batalha diária como num sopro de mágica induzido pela encenação.

Serviço:
Ultimo final de semana da temporada, sábado e domingo, na Sala do Coro do TCA, até 26/05/2013
Horário: 20:00
Ingresso: R$ 20,00 (inteira).

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: